Windows Server 2012 deixa de valer a pena

Windows Server 2012 deixa de valer a pena

Observamos nas últimas semanas uma queda expressiva nas licenças Windows Server 2012 R2® (Foundation, Essentials e Standard), levando nossos consultores a cogitar sugeri-las a clientes em processo de aquisição, regularização ou upgrade de servidores. Será que vale a pena comprar um servidor com a versão 2012 ao invés da última versão 2016?

Ciclo de vida Microsoft

Todo software Microsoft tem durante o seu ciclo de vida duas importantes datas: Data de término do suporte base (ou Fim do suporte base)Data de término do suporte estendido (ou Fim do suporte estendido). O período de suporte (base + estendido) para todo software é de no mínimo 10 anos, normalmente 05 anos em cada modalidade.

No Suporte Base, além de correções de segurança (Windows Update) e suporte pago avançado, há suporte gratuito para o produto e atualizações de design, no Suporte Estendido esses dois últimos deixam de existir. Ao final do Suporte Estendido, o aplicativo ou sistema operacional deixa de receber qualquer tipo de correção e não há mais atendimento técnico da Microsoft, aqui decreta-se o final daquele software.

Após o final do ciclo de vida de um sistema operacional Microsoft, fornecedores terceiros de software deixam de validar e fornecer seus programas para aquele sistema operacional, isso inclui navegadores web (Google Chrome, Mozilla etc.), antivírus, módulos de segurança para internet banking, dentre outros, além de tudo isso, os sistemas ficam vulneráveis a vírus e hackers, já que bugs e falhas de segurança não são mais corrigidos.

Conclusão

Mesmo com a prorrogação de 01 ano para o fim do suporte estendido (o Windows Server 2012 R2 Standard passou para 10/10/2023), trata-se de um período curto de vida para um servidor. Um servidor roda com ótimo desempenho por no mínimo 08 anos e as vezes até 10, por isso é importante que ao comprar um servidor, o sistema operacional utilizado tenha pela frente um período de vida de pelo menos 08 anos, o que não seria o caso se comprássemos o mesmo servidor hoje com a versão 2012 do Windows Server, teríamos apenas 06 anos.

É importante lembrar que a boa prática de TI recomenda não utilizar um sistema operacional sem o suporte de correções de segurança, em um servidor isso deve ser ainda mais reforçado.

Apesar da diferença considerável no valor das licenças Windows Server 2012 e 2016, às vezes 100%, é recomendável começar já na versão mais moderna.

Referências

  1. Datas de ciclo de vida estendidas para o Windows Server 2012 – Microsoft. Acessado em 28/07/2017.
  2. Microsoft Business, Política de desenvolvedores e de sistemas operacionais de desktop – Microsoft. Acessado em 28/07/2017.
  3. Política de Ciclo de Vida da Microsoft (Windows Server 2012 R2 Standard) – Microsoft. Acessado em 28/07/2017.

Deixe um comentário

Seu e-mail não será divulgado.