Ransomware pode afetar Mac OS?

Ransomware pode afetar Mac OS?

Um dos mais irritantes tipos de vírus hoje em dia, é o ransomware, software malicioso que bloqueia arquivos ou um computador até que o usuário pague o resgate pela decodificação. Usuários do Windows fazem muitas coisas para proteger seus arquivos, e sobre aqueles que utilizam Mac? Os usuários de Mac devem estar preocupados com esses tipos de vírus? Neste artigo, vamos revelar a resposta.

Se você não sabe o que é um vírus ou invasão do tipo ransomware, sugerimos a leitura do nosso post completo sobre o assunto: Ransomware, tudo sobre a mais temida ameaça digital.

Ransomware no Mac OS

Em nossa série sobre os 7 Pecados Capitais da TI, já falamos como o sistema da maçã é vulnerável a vírus. O fato de ser uma escolha pouco comum de sistema operacional entre os fabricantes de vírus, não irá garantir proteção ao seu Mac. A McAfee, gigante mundial de segurança eletrônica, relata que o malware do Mac cresceu 744% até o final de 2016. O motivo provável desse enorme crescimento é o agrupamento de adware, e não o ransomware para Mac, o adware simplesmente cola anúncios de banner no computador de um usuário, mas não afeta seus dados.

Também é possível encontrar relatórios sobre malwares que estragam o OS X utilizando vulnerabilidades de aplicativos embutidos. Por exemplo, o OSX/Filecoder desenvolvido para OS X 10.11.x/10.12.x. O Mac pode ser infectado ao procurar patches do Adobe Premiere ou do Microsoft Office em redes torrent. Depois de pressionar o botão de iniciar do patch, o Mac é infectado com o ransomware criptografando rapidamente arquivos cruciais do usuário.

Concordamos que o o nível de segurança do OS X é relativamente alto, mas não completamente livre de todos os perigos. Uma vez que esta plataforma encontrou um rápido crescimento de popularidade nos últimos anos, os fabricantes de vírus tornam-se cada vez mais atentos a esse sistema operacional também.

Proteção

Para proteger o Mac do ransomware (ou reduzir o impacto), recomendam-se as mesmas práticas de um equipamento Windows:

  • Ativar o “Gatekeeper” para restringir as atividades de instalação de software não confiável. Ele usa um mecanismo de sinal digital para detectar se o editor do aplicativo é confiável ou não.
  • Não utilizar senhas em branco para o login do usuário mesmo se estiver no “usuário doméstico”. As senhas em branco desativam a maioria das ferramentas de proteção de Mac embutidas, ao definir uma senha, o OS X solicitará confirmação para qualquer alteração no nível do sistema, diminuindo assim a chance de integração silenciosa do ransomware.
  • Fazer backups regulares de todos os dados críticos em unidades externas ou nuvem, experimente o nosso Backup em Nuvem.
  • Não instalar programas que trazem ferramentas suspeitas embutidas.
  • Instalar sempre as atualizações de segurança do sistema à medida que a Apple lance, há patches de segurança para todas as principais violações de segurança que não devem ser ignoradas.
  • Antivírus para Mac é fundamental.

Conclusão

A recomendação principal é, sistemas da maçã exigem os mesmos cuidados do Windows da Microsoft, itens como backup e senhas são essenciais e a crença de que os dispositivos da Apple são 100% seguros é totalmente lenda.

A HF fornece soluções de segurança de dados (backup) e digital (antivírus) gerenciados, faça contato conosco.

Deixe um comentário

Seu e-mail não será divulgado.